Ampara Animais Silvestres - Melhores ONGs

Blog

Vou viajar… E meu pet?
By: Mídias Digitais
fev 12, 2021

Cães e gatos são animais de “costumes”. Quanto menos você mudar suas rotinas, melhor eles ficarão. Com isso em mente, o ideal é pedir a uma pessoa de confiança que se encarregue de ir até sua casa para alimentá-los, trocar a água, brincar e levá-los para passear (no caso dos cães).

Você também pode contratar um pet sitter – profissional que vai até sua casa para cuidar dos animais. Antes de contratá-lo, faça uma pesquisa aprofundada sobre o prestador de serviço e peça referências a seus clientes.

Se deixar o pet em casa não for uma opção, hospede-o com um parente ou amigo que goste de animais e que terá disponibilidade para oferecer a ele os cuidados necessários – isso inclui atenção e carinho. É muito importante que você apresente o lar temporário e leve o seu cão ou gato até lá várias vezes antes de deixá-lo no local, para que ele se acostume ao lugar, às pessoas e, principalmente, aos outros animais, se for o caso. Esse passo é importante porque evita que o animal se assuste ou fuja.

Há também a opção de hotéis para animais de estimação. Pode ser a alternativa mais cara, mas existem estabelecimentos responsáveis que garantem o melhor cuidado possível para seu cão ou gato. Ainda assim, é essencial que você se informe sobre o local, seja por recomendação de conhecidos ou por investigação própria, para que seu animal de estimação fique em boas mãos. Uma dica: cheque se os muros são altos e se o hotel é realmente seguro.

No dia de sua viagem, lembre-se de deixar objetos familiares com o seu cão ou gato, como seus brinquedos ou cama, para que ele se sinta mais à vontade.