Blog

Ozonioterapia – o que é e quais são seus benefícios?
set 22, 2016

A ozonioterapia é a utilização do gás ozônio como agente terapêutico no tratamento de diversas patologias. Após a sua aplicação, ele reage com os tecidos corporais formando substâncias que estimulam todo o sistema antioxidante e promovem uma grande liberação de oxigênio para as células.

Os efeitos benéficos da ozonioterapia dependem da concentração da mistura de ozônio/oxigênio utilizada. Além de estimular os sistemas antioxidantes endógenos o ozônio tem vários outros efeitos interessantes.

Entre os benefícios, o tratamento de ozonioterapia é um potente vasodilatador que melhora a curva de dissociação da hemoglobina com o oxigênio, melhorando a oxigenação tecidual, estimulando a liberação de mediadores da imunidade como os interferons e citocinas, e também produzindo efeitos diretos sobre diversos agentes infecciosos como vírus, bactérias e fungos.

Por aumentar a saturação do oxigênio circulante ele também tem um importante efeito anti-inflamatório, muito útil como coadjuvante no tratamento de dores crônicas.

Em quais casos a ozonioterapia é indicada?

  • Patologias infecciosas: bacteriana, viral, fúngica.
  • Patologias ortopédicas: degenerativa, traumática, infecciosa.
  • Patologias vasculares: arteriosa, venosa, microcirculação, linfática.
  • Patologias imunológicas: autoimune, neoplásica.
  • Patologias neurológicas: infecciosa, vascular, degenerativa.

Em quais casos a ozonioterapia é mais utilizada?

  • Artrite / Artrose / Artrite Séptica;
  • Tendinites;
  • Dores Osteomioarticulares;
  • Osteomielite;
  • Discoespondilite;
  • Insuficiência venosa/arterial;
  • Úlceras e infecções cutâneas;
  • Colites.

Quais as contra indicações da ozonioterapia?

  • Deficiência de Glicose-6-Fosfato-Desidrogenase (G6PD eritrocitária), também conhecido como Favismo;
  • Hipertireoidismo Descompensado;
  • Hipoglicemia;
  • É também PROÍBIDA a inalação durante o tratamento de ozonioterapia.

A ozonioterapia é um procedimento de baixo risco, aplicado geralmente como um método complementar, aditivo ou restaurativo, isto é, em associação aos tratamentos médicos habituais. É uma terapia veterinária natural, com poucas contra-indicações e efeitos secundários mínimos. Claro, quando indicada e realizada e/ou orientada corretamente, por profissional médico, com formação adequada, assim como qualquer ato médico. É ainda um procedimento extremamente promissor pelo seu baixo custo de investimento e manutenção, facilidade de aplicação e resultados clínicos.

Leia mais em Pet Fisio @ http://petfisio.com.br/blog/ozonioterapia/