Blog

Cuidados com seu pet no verão
By: Amanda
Tags:,
dez 11, 2018

Por MV Alessandra Bendinelli

O verão vem chegando e com isso algumas mudanças são necessárias para mantermos o bem-estar dos nossos animais. Na época mais quente do ano, os animais podem sofrer com infestações de ectoparasitas, picadas de mosquito, viroses, queimaduras por passeios prolongados em horários muito quentes, hipertermia, entre outras enfermidades.

Vamos falar aqui sobre dois temas importantes: queimadura e a hipertermia.

Essas duas situações normalmente acometem os animais em momentos de passeio, por isso é muito importante ficarmos ligados nos horários em que saímos com nossos animaizinhos. O ideal em um dia de sol é sempre sair para passear antes das 8h da manhã e depois das 18h, assim você diminui a probabilidade de expor seu pet a altas temperaturas evitando estas duas situações.

A hipertemia acontece quando o animal atinge uma temperatura muito alta. O primeiro sinal é o animal ficar muito ofegante, depois podem aparecer vômitos, edemas pulmonares, parada cardíaca e, se ele não for atendido, pode até morrer. Isto acontece porque o animal tem a respiração como sua única forma de controlar a refrigeração e manutenção de temperatura corpórea, e quando as temperaturas se elevam muito, os animais podem não conseguir perder calor, o que causa hipertermia e choque.

Muitas pessoas acreditam que as patinhas dos cães e gatos são muito resistentes e não são vulneráveis a lesões por altas temperaturas do piso. Isto não é verdade! Quando expostos em horários muito quentes ou por tempo prolongado, os animais podem sofrer lesões graves em suas patinhas. Por isso, fique atento aos dias muitos quentes. Deixe para passear nos horários indicados acima e mantenha seu animal sempre hidratado!!

Sempre, sempre procure um médico veterinário caso haja qualquer mudança de comportamento no seu animal e boas férias!