Blog

Como transportar animais em voos?
By: AMPARA Animal
Tags:, , , ,
maio 23, 2018
Por Tatiana Beserra

Muitas pessoas hoje em dia querem levar seus pets nas viagens de família, mas não sabem como fazer isso ou se é permitido voos com animais. Atualmente, as grandes companhias aéreas brasileiras têm trabalhado com essa opção, o que facilita bastante a vida dos donos de pets.

O primeiro passo é fazer um planejamento e programação bem feitos para que tudo dê certo na viagem. Além disso, visitar um veterinário antes da viagem é fundamental, pois o animal poderá ficar estressado no voo. O ideal é programar viagens com voos diretos e curtos para evitar a ansiedade dos animais e riscos à saúde, como a desidratação.

Dicas para viajar com seu pet em segurança:

  • Confira as regras de transporte das empresas aéreas antes de comprar a passagem;
  • Confira a documentação de vacinação do seu pet. É necessário apresentar o certificado de vacinação antirrábica para animais de mais de 3 meses de idade, que deverá ser aplicada entre 30 dias até 12 meses antes da viagem. Caso a vacina esteja vencida ou não tenha como comprovar a vacinação, será necessário reaplicar a vacina 30 dias antes do voo.  Importante: todas as vacinas precisam estar em dia com, pelo menos, 30 dias antes da viagem e não apenas a de raiva. Cães, por exemplo, tomam mais vacinas do que os gatos, e dependendo da cidade ou país de destino, certas vacinas podem ser exigidas.
  • Utilize uma caixa de transporte adequada ao tamanho do animal, resistente e bem ventilada. Importante: cada companhia área solicita um tipo de caixa, ou seja, nem todas pedem o mesmo tamanho de caixa de transporte, por isso é bom se certificar com a empresa antes de comprar sua caixa. Isso vale apenas para animais dentro da cabine, com seus tutores. Animais que irão no bagageiro podem e devem ir em uma caixa grande e confortável, mas também é fundamental perguntar os tipos de caixa que a empresa permite para não haver problemas no dia do voo.
  • Faça adaptação do seu pet com a caixa pelo menos 15 dias antes da viagem. Faça-o entrar e sair várias vezes, ofereça petiscos para que ele entenda que a caixa é um lugar agradável;
  • Leve seu pet ao veterinário pelo menos 7 dias antes da viagem para a emissão do atestado de saúde para viagens;
  • Evite o uso de calmantes! Só utilize caso seja uma situação expressa e urgente, além de recomendado pelo veterinário. Importante: nenhuma companhia aérea permite animal levemente sedado! Caso seja necessário, o veterinário deverá prescrever.
  • Dê banho e apare as unhas do pet 1 dia antes da viagem. Ofereça alimentos no dia da viagem até no máximo 2 a 3 horas antes do embarque para evitar enjoos e vômitos. Ofereça água à vontade no aeroporto e antes do embarque;
  • O pet e sua caixa de transporte devem estar sempre devidamente identificados;
  • Utilize tapete higiênico para forrar a caixa de transporte e coloque uma peça de roupa sua dentro da caixa; 
  • É fundamental que uma coleira peitoral esteja no animal, também identificada, e que ela esteja presa com uma guia em alguma parte da caixa de transporte, do lado de dentro. Isso serve para evitar a fuga do animal caso a caixa caia dentro do avião e quebre.
  • Passeie com o cachorro antes do voo para que ele possa urinar e defecar;
  • Brinque e faça carinho em seu pet, ajudando ele a relaxar. Evite embarcar muito cedo (isso vale somente se ele não estiver tranquilo no aeroporto). Vale usar floral para acalmar seu pet. Basta solicitar orientação em alguma farmácia de manipulação ou com o veterinário.
  • Para a viagem no porão, as caixas de transporte ficarão presas por meio de cintos e cordas. Caso seja na cabine, a caixa de transporte deverá ficar embaixo da poltrona e, o pet, sempre dentro da caixa;
  • Ao desembarcar, o animal que viajar no compartimento de carga será retirado do avião e colocado na área de bagagens. Ele não ficará na esteira.

Atualmente no Brasil existem quatro empresas aéreas que fazem viagens aéreas com pet: Avianca, Azul, Gol e Tam. Entre em contato com elas caso você queira levar seu bichinho na próxima viagem. Boa diversão!